quarta-feira, 28 de setembro de 2016

O Aimoré conseguirá se manter na ponta de cima na Copa Caçapava?

Jogadores do Aimoré estão aproveitando a oportunidade neste segundo semestre. Foto: Giovani Júnior/ECNH
Alô, amigos!
Quando o Aimoré iniciou os trabalhos visando a Copa Caçapava existiam muitas dúvidas de como seria o time e, principalmente como o Claiton seria como treinador, afinal, estaria estreando como comandante. Jogadores que estavam há muito tempo desempregados, outros desacreditados, e alguns quase encerrando a carreira por falta de oportunidades.
Inclusive, muitos diziam que no Clássico do Vale, o Novo Hamburgo já teria seis pontos garantidos. Isso antes de iniciar o torneio. Já que o Noia vinha de uma Série D de Brasileiro e com entrosamento e o Índio Capilé montando as pressas um grupo de trabalho. E não foi bem assim. Em seis pontos disputados contra o maior rival, o Aimoré ganhou quatro e mostrou um bom time e em vários momentos melhor do que o Novo Hamburgo. 
Neste momento, o Aimoré é melhor do que o Noia. A tabela demonstra isso. O Aimoré está com o mesmo número de pontos do São José (17), mas perde no saldo de gols, enquanto que o anilado soma 15 pontos na terceira posição. 

Claiton vem realizando um bom trabalho como treinador. Foto: Diego da Rosa/Jornal VS
Agora, resta saber se o Aimoré irá aguentar até a parte final da Copa Caçapava. Nas partidas que acompanhei do Índio Capilé, observei uma equipe bem montada taticamente, mas principalmente contra o Noia, na reta final dos jogos acabou faltando pernas para o time. 
Muito em função de ter iniciado tarde demais a preparação e nada contra o trabalho do profissional da preparação física que até está fazendo milagre diante dos fatos já citados no começo do texto. 

Enfim, espero que o time aguente até o final para termos grandes jogos nas semifinais!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...