sexta-feira, 28 de agosto de 2015

Luan cresceu, deixou de ser menino e virou referência!

Luan é a nova referência do time do Grêmio
Porto Alegre (RS) - O Grêmio não teve a facilidade que esperava ao decidir na Arena com vantagem no placar, mas fez valer seu melhor futebol para vencer o Coritiba nesta quinta-feira. Apesar do susto de um gol de empate ainda no primeiro tempo, o Tricolor definiu o 3 a 1 e está nas quartas de final da Copa do Brasil. Agora espera o sorteio para definição dos confrontos, que será realizado no dia 31 de agosto.

Nota do editor: Alô amigos! Convenhamos, o Luan deste ano está muito superior ao de 2014. Luan surgiu muito bem no time profissional do Grêmio, mas nós jornalistas esportivos um tanto quanto apressados já colocamos o guri como um craque, não tivemos a calma necessária para avaliar! E, quando apareceu realmente deu mostras disso. Porém, com o decorrer do tempo ele deu uma sumida, foi parar no banco de reservas, e talvez a possível fama tenha subido a cabeça. Desapareceu, e agora, ressurgiu muito melhor do que era. Luan, o ‘meteoro da paixão’, como eu o chamo quando narro jogos em que ele atua, está com a sua técnica muito apurada e taticamente aprendeu a pelo menos preencher os espaços vazios. Ainda não é craque, como Neymar, por exemplo, mas pode chegar lá! Acho que a chegada do Roger Machado ajudou bastante a evolução do Luan. Aos 22 anos, Luan no momento é o Bola de Ouro da Revista Placar. Ele cresceu, não é mais menino! E o time do Grêmio com isso ganhou uma nova referência depois de muitos anos, afinal, as últimas referências, pra mim, ficaram lá na década de 90 com Paulo Nunes e Jardel.