terça-feira, 25 de agosto de 2015

Não sou contra a venda do Estádio Vieirão, do Cerâmica!

Cerâmica recebeu proposta para vender o seu estádio. Foto: Site do Cerâmica
Gravataí (RS) - De acordo com o Jornal Correio de Gravataí, o presidente do Cerâmica, Décio Becker confirma que existe o interesse em negociar o estádio Vieirão, mas nega que o clube esteja a venda. A negociação serviria para viabilizar o retorno da equipe ao futebol profissional. Recentemente o Cerâmica se afastou das competições oficiais da Federação Gaúcha de Futebol e foi automaticamente rebaixado para Terceirona. 

Nota do editor: Alô amigos! Algumas semanas atrás surgiu esta informação por meio do jornal Correio de Gravataí, da possibilidade da venda do Estádio Vierão, e muitos torcedores se manifestaram contra a venda da atual casa do Cerâmica. Sinceramente, não vejo nenhum problema! Não sou contra a venda do Estádio Vieirão! Aquela área onde está o Vieirão deve valer mais de R$ 20 milhões. Porém, tem que ser bem planejada a venda e ter já um terreno em vista para a construção de um estádio menor com capacidade no máximo para 4 ou 5 mil pessoas, o que custaria em torno de R$ 10 milhões. Sobrando, portanto, numa projeção sem dados oficiais, em torno de R$ 10 milhões para o futebol. Um número razoável para que o clube de Gravataí (que já disputou inclusive a Série D do Campeonato Brasileiro) possa retornar ao cenário do futebol gaúcho.