domingo, 27 de março de 2016

Infelizmente, o Aimoré está dando adeus à elite do futebol gaúcho!

Jogadores precisam finalizar o Gauchão com dignidade e tentar vencer ao menos um jogo. Foto: Fernando Potrick/Gama
São Leopoldo (RS) - Na tarde deste domingo, jogando no Estádio Colosso da Lagoa, em Erechim, um dia após comemorar 80 anos de história, o Clube Esportivo Aimoré perdeu mais uma partida neste Campeonato Gaúcho de 2016. O time do Índio Capilé acabou derrotado para o Ypiranga pelo placar de 2 a 1. Os gols do Ypiranga foram marcados por Léo e Túlio Renan. Já para o Aimoré, Matheus descontou. Com este resultado, o Aimoré segue na lanterna do campeonato com apenas seis pontos. Na próxima rodada, o clube de São Leopoldo enfrenta no Estádio Cristo Rei, às 20h30, a equipe do São Paulo de Rio Grande.

Nota do editor: Alô, amigos! O Aimoré não poderia perder o jogo deste domingo. Acabou perdendo e praticamente o Índio Capilé está dando adeus à elite do futebol gaúcho, infelizmente! Sim, estou jogando a toalha! O Aimoré até pode vencer os dois próximos jogos, mas o problema é que o clube não depende mais de si para se manter na elite. Para o futebol do Vale do Sinos é verdadeiramente muito ruim. Repito: não é demagogia! Embora eu seja torcedor do Novo Hamburgo (maior rival do Aimoré), gostaria muito que o Índio Capilé permanecesse na primeira divisão. A campanha é de time rebaixado. Até agora foram 11 jogos, apenas uma vitória, três empates e sete derrotas. A defesa do Aimoré foi vazada 20 vezes e ataque marcou apenas sete gols. Um horror. Convenhamos, tanto o técnico Abel Ribeiro quanto o atual Leandro Machado não podem ser culpados de forma integral pelo que ocorreu com o Índio Capilé. Nem Pep Guardiola conseguiria dar um jeito nesta equipe. Quem contratou estes jogadores é quem precisa se responsabilizar. Agora, é tentar finalizar o Gauchão com uma ou duas vitórias, e iniciar o planejamento para jogar a Divisão de Acesso em 2017. 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...