quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Se não fosse o Roger Machado, o Grêmio estaria brigando com o Inter para não cair!

Roger Machado está com seu o seu trabalho contestado pelos torcedores. Fotos: Lucas Uebel
Alô, amigos!
Sei que os torcedores gremistas estão chateados e ao mesmo tempo indignados com a apresentação vexatória da equipe no jogo contra o Coritiba, mas acho que não é o momento para fazer tempestade em copo d´água e encontrar em Roger Machado o principal culpado por este período de crise. 

Sinceramente, a culpa do time estar fragilizado não é do técnico Roger Machado. A culpa tem, pelo menos pra mim, um endereço: presidente Romildo Bolzan. Ao vender o meia Giuliano e não reforçar o grupo com um jogador talvez do mesmo nível colocou todo o trabalho do treinador muito próximo de um bueiro.

O Roger Machado está fazendo milagre com os jogadores que tem à disposição. Henrique Almeida, Pedro Rocha, Batista, Ramiro e outras ´nabas` como Negueba, por exemplo. Escrevi aqui neste espaço no começo do mês passado que o Grêmio estava se tornando um time comum sem Giuliano e Everton. Imagina se ficar sem Luan e Walace?

Wallace Reis não pode ser titular da zaga gremista. 
Sem contar que ainda a defesa do Grêmio segue uma peneira. Acredito que aí o Roger Machado tem a sua contribuição. Por pressão da imprensa e dos dirigentes gremistas, ele simplesmente sacou da equipe o Fred e colocou o fraquíssimo Wallace Reis, que saiu praticamente linchado do Flamengo por sua condições técnicas duvidosas. Mas, como ele veio do Flamengo custando R$ 3 milhões e o Fred chegou do Goiás e de graça, quem joga é o Wallace Reis.

Infelizmente, um tem que ser tirado para Cristo pelo torcedor e imprensa, e esta pessoa é o Roger Machado. Uma injustiça, afinal, com este grupo de jogadores no máximo que se pode conquistar é uma vaga na Libertadores. A sorte é que o Grêmio tem o Roger, caso contrário estaria brigando com o Internacional na zona do rebaixamento!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...