sábado, 16 de junho de 2018

Seleção do Peru merecia melhor sorte!

Paolo Guerrero entrou no segundo segundo tempo e a seleção peruana melhorou. Foto: Marcos Brindicci/Reuters

Saransk (Rússia) - Em sua volta à Copa do Mundo após 36 anos, o Peru contou com o apoio de sua torcida, maioria absoluta em Saransk. Teve um pênalti dado pelo VAR (que o são-paulino Cueva desperdiçou). E foi melhor na maior parte do jogo. Mas acabou sendo derrotado pela Dinamarca por 1 a 0, gol de Poulsen. O flamenguista Guerrero entrou aos 17 minutos do segundo tempo e deu nova dinâmica ao time peruano e quase marcou um golaço de calcanhar.

Crônica: Depois de um longo período longe de uma Copa do Mundo, a seleção do Peru acabou perdendo para a Dinamarca. Sinceramente, se existe injustiça em um jogo de futebol, a derrota do Peru pode ser classificada desta forma. Porém, o que vale é bola na rede e a seleção peruana foi incompetente na hora de marcar. Foi um erro do técnico Gareca em deixar o Paulo Guerrero no banco de reservas. Se ele tem condições de jogar 40 minutos, coloca desde o começo e não na parte final. Mas, o que ficou pra mim é que a seleção do Peru merecia melhor sorte. Achei a Dinamarca muito tímida tecnicamente. Não vai longe!


https://encantoshoteis.com.br/